iinspiradas

quinta-feira, 5 de outubro de 2017

Alisena - Funciona em cabelo seco?

às
Oi, Inspiretes!

No dia 30 de setembro eu participei da 9ª Influbeauty, edição que aconteceu em Curitiba e... Foi mara!

O evento focou bastante em fornecer informações às influenciadoras digitais para que pudéssemos criar conteúdo relevante e de qualidade pra vocês!




Nesse evento eu recebi uma kit Alisena e decidi gravar uma resenha... Juro que condensei as informações o máximo que deu! hehe



A quantidade de informação foi realmente grande, mas eu achei sensacional, pois levou o conceito de influenciador digital para outro nível, trazendo uma visão muito mais profissional e responsável. Desta forma nós tivemos acesso a conteúdo confiável e de muito mais relevância para quem se apoia em resenhas para decidir se vai ou não investir num produto!

No vídeo procurei focar mais na aplicação e resultado, aqui passarei as demais informações que recebemos no evento, além de considerações a respeito de embalagem, fragrância e afins. 

Mas, no dia 26/08 a nossa colunista Ane Ossanes teve a oportunidade de participar da 8ª edição da Influbeauty de Porto Alegre, então peço que comece pelo post dela e eu irei complementar as informações por aqui, ok?!

ok!!

Primeiro gostaria de dividir algumas curiosidades sobre a fábrica da Muriel que eu achei interessantíssimas! A Muriel conta hoje com 854 funcionários, sendo boa parte deles pertencentes às divisões de ferramentaria e manutenção, pois a Muriel fabrica seus próprios moldes e embalagens! Não é demais?!


Eu imagino que boa parte de vocês não possa mensurar o impacto dessa informação, mas como eu trabalhei em indústria antes de migrar para a área da beleza sei o quanto uma ferramentaria demanda em tecnologia, competência e dinamismo. Por isso essa informação me deixou de queixo caído de verdade!

Sem falar que isso faz com que toda a responsabilidade sócio-ambiental que envolve as embalagens da marca fiquem 100% nas mãos da empresa!

O Sr. Paulo Boldarin, presidente da Muriel, também nos contou como foi que a Nova Muriel surgiu. Nos disse que alguns anos atrás a dinâmica do mercado era muito diferente, as multinacionais tomavam conta de todas as mídias, deixando pouquíssimo espaço para que empresas pequenas pudessem trabalhar. Isso mudou muito com o advento das blogueiras! Agora o foco do consumidor saiu das revistas e propagandas de tv para o youtube, onde encontram informação baseada em contato real com o produto. Além disso, as blogueiras oferecem às pequenas empresas um espaço de maior destaque, fazendo com que produtos mais acessíveis tenham a sua chance de brilhar!

E foi assim que o primeiro BUM aconteceu, quando a Salon Line percebeu essa oportunidade e investiu na criação do shampoo bomba e colocou na mão das blogueiras e, consequentemente, na curiosidade de todo mundo!

O shampoo bomba nasceu com o objetivo de aproveitar um movimento que vinha ganhando muita força no youtube, em que as blogueiras falavam o quanto as químicas de alisamento são prejudiciais e que as mulheres deveriam abraçar seus cachos. Assim, o shampoo bomba acelera o crescimento dos fios, ajudando no período de transição.
A Salon Line ainda teve muita perspicácia e lançou em seguida a linha específica para cachos, conquistando as mulheres do pós transição!





Observando essa estratégia, o Sr. Paulo decidiu que queria participar dessa onda também e passou semanas assistindo a tutoriais no youtube para poder identificar qual seria a brecha que a Muriel poderia aproveitar. Logo ficou claro: as mulheres de cabelos lisos haviam ficado esquecidas! Desta forma, a equipe técnica da marca iniciou o desenvolvimento de um produto que alisasse os fios sem a utilização dos componentes químicos tão repudiados pelas blogueiras. Um produto constante nos tutoriais é o amido de milho e foi o componente que mostrou os melhores resultados. Assim nasceu o Alisena!

O Alisena deu início a uma nova tendencia: produtos eficientes, sem componentes químicos agressivos e com princípios ativos naturais. Várias marcas já estão copiando a ideia e nós só temos a ganhar com isso!

A Nova Muriel não pretende deixar a peteca cair e já estendeu a gama de produtos em várias frentes e, muito em breve, vai atender uma outra classe de mulheres desatendidas pela indústria cosmética: As mulheres de cabelos ondulados!


Não sei o que dizer, gente... Só sentir! S2 

...

Mas, vamos focar no produto, né?!

- O que a linha Alisena promete?

Tecnologia Few Poo, ou seja, ação detergente extra suave que limpa o couro cabeludo de forma equilibrada e apenas no limite do necessário, caso você esteja utilizando produtos sem petrolatos, silicones e afins.
Também contém a Fórmula poderosa Alisena, que promete alinhar os fios, promovendo brilho intenso e redução do volume e do frizz.

- O que eu achei?

Na primeira tentativa eu não tive muito resultado, mas a marca fala de uma liso progressivo, ou seja, quanto mais usar mais o resultado aparece. Assim, prosseguirei com o uso e logo volto aqui pra deixar minha impressão!

- Aplicação

Conforme comentei no vídeo, a aplicação deve ser feita da forma correta e na sequência correta. A saber:

1º Shampoo - Contém ação detergente que higieniza os fios e abre as cutículas para receber a hidratação. É interessante aplicar o shampoo diluído ou após fazer espuma nas mãos, massageando em seguida no couro cabeludo e levando o excesso de produto para as pontas.
2º Máscara - É importante que seja aplicada antes do condicionador para aproveitar a abertura das cutículas dos fios. Não deve ser aplicada na raiz e é importante que os fios não estejam encharcados, pois por ser uma emulsão oleosa o excesso de água dificulta o acesso ao fio. (óleo e água não se misturam). Deve-se aguardar de 10 a 20 minutos pra enxaguar... Aí mora uma dificuldade grande pra quem lava os cabelos todos os dias... Não encontrei informações claras sobre a frequência de uso da máscara, mas usar todo dia está totalmente fora de cogitação! Como eu costumo lavar os cabelo a cada 5 ou 7 dias... Não vou ter problemas.
3º Condicionador - Condiciona os fios, complementando a nutrição da máscara e fechando as cutículas. Também é uma emulsão oleosa e deve ser aplicado com os cabelos úmidos, não encharcados.
4º Finalizador - Protege do calor do secador e da chapinha, enquanto utiliza esse mesmo calor para selar ainda mais as cutículas dos fios, promovendo brilho intenso e efeito liso. Deve ser aplicado em pequena quantidade e de forma uniforme.

- Embalagem

Eu achei a embalagem muito interessante, mas gostaria que o shampoo e condicionador tivessem pelo menos tampas de cores diferentes para facilitar a identificação. Durante o banho já é complicado, no mercado com pressa então... nem se fala!

Fora isso, não tenho reclamações, as tampas fecham bem e as embalagens são de fácil armazenamento.

- Fragrância

O perfume é muito suave e gostosinho, permanece nos fios de forma muito discreta, evitando problemas com o perfume, desodorante, cremes e toda a sorte de produtos que a gente insiste em passar! hehe

- Rendimento

De toda a linha apenas o shampoo não me agradou nesse quesito. Como a fórmula é de baixa detergência, foram precisas 4 aplicações até que eu ficasse satisfeita com a limpeza. Já usei outros shampoos com essa mesma proposta, inclusive a linha da Tresemme que eu comparo no vídeo, e 2 aplicações costumam ser suficientes.

- Custo benefício

O preço médio de hoje é:
Shampoo - R$12
Máscara 300ml - R$11
Máscara 500ml - R$15
Condicionador - R$13
Finalizador - R$9

Ainda não me sinto em condição de dizer se o custo benefício é bom ou não, pois ainda não vi resultado. Em algumas semanas, quando eu tiver uma opinião mais consolidada, volto aqui e edito esse trecho!

E é isso! Até semana que vem! =*

Nenhum comentário:

Postar um comentário