iinspiradas

sexta-feira, 24 de novembro de 2017

Gordura localizada, tem jeito?

às
Olá Inspiretes,

          Hoje vou compartilhar com vocês um pouquinho do que eu descobri do “mundo da beleza”. Um mundo fantástico e maravilhoso, mas que pode esconder algumas armadilhas bem preocupantes. Antes de me mudar para Curitiba, eu trabalhei em uma clínica de estética em SC; quando cheguei aqui, fiquei quase 6 meses somente em casa, e quando voltei a trabalhar também foi em uma clínica de estética, e só sai para administrar o salão de beleza que depois acabei comprando (e que por vários motivos vendi depois). Mas por que estou contando isso para vocês? Porque durante todo esse tempo eu conheci profissionais maravilhosos, que me ensinaram muuuiiitoooo (sim, sou dessas que sempre quer saber como as coisas são feitas), e muitos deles são meus amigos até hoje. A experiência de ter trabalhado por tanto tempo e em locais diferentes, foi que me deu uma visão bem mais ampla sobre tudo o que envolve estética, e a segurança de saber exatamente o que vale a pena ou não na hora de investir em um tratamento estético, afinal, o que eu não sei, meus amigos me mantêm atualizada.




          Assim, conhecendo esse mundo, fiquei muito mais exigente na hora de realizar qualquer procedimento estético (e também de salão) em mim. Sempre verifico alguns fatores que considero essenciais, como:

·         Local: é limpo e organizado? Parece bobagem né, comentar aqui, mas já vi muita coisa errada, lixeiras transbordando, materiais infectantes sendo descartados de maneira incorreta, entre tantas outras coisas. Higiene e organização destes locais são muito importantes para a nossa saúde; outro ponto importante, tem liberação da Vigilância Sanitária? Nós menosprezamos esse detalhe tão importante, mas é mais uma garantia para a nossa saúde; avalio até o atendimento da secretária, se é atenciosa e prestativa, pois isso também mostra o comprometimento do local com o cliente e eu acho importantíssimo;

·         Profissional: quem vai realizar o procedimento em mim? É esteticista? Massoterapeuta? Fisioterapeuta? Até mesmo médico, eu procuro saber se está hábil a exercer a profissão nos órgãos regulamentadores (como para os médicos CRM, fisioterapeutas CREFITO, nutricionistas CRN, etc), assim é uma segurança que estou em mãos qualificadas a exercer esse tipo de trabalho;

·         Tratamento: hoje em dia, temos as mais diversas tecnologias a nosso favor para melhorarmos tudo o que não nos agrada no nosso corpo, então como escolher? Pois certamente tem muita coisa por aí que promete muito mais do que faz, e eu dou muito valor ao meu dinheirinho e ao meu tempo também né! Quando algo não me agrada e quero buscar uma opção que possa me ajudar, eu busco indicação com amigas, procuro na internet, mas sempre converso com uma profissional de confiança, para ver se “tal procedimento” é o que eu procuro e se terei o resultado desejado.

          Como já contei para vocês, estou optando por uma alimentação mais saudável já faz um tempo, e também comecei a levar realmente a sério a academia. Mas a minha barriga e os flancos (lateral do corpo) têm me incomodado bastante. Estou emagrecendo, mas a tal da “pochete” está ali, sem contar que comecei a sentir o peso da idade chegando, principalmente na pele, está ficando mais flácida, o que faz com que a “pochete” fique ainda pior. Assim, já estava de olho nas opções que eu poderia fazer para melhorar essa região além da lipoaspiração, que para mim, neste momento não é uma opção. Então quando a minha amiga Maria Cristina (fisioterapeuta) me chamou para um coquetel de lançamento de alguns equipamentos estéticos na clínica onde ela trabalha, achei ótimo.


          Ela trabalha na Clínica de Cirurgia Plástica Dra Ana Carolina Chociai, que trouxe para Curitiba alguns equipamentos para tratamentos estéticos de alta tecnologia. E conversando com a Dra Ana Carolina no dia do coquetel, eu acabei me interessando por dois tratamentos: o da minha “pochete” e outro para diminuir a minha “papada” no pescoço; então podem ficar tranquilas que irei compartilhar com vocês esse tratamento também, pois agora o meu foco é a barriga, então vou começar por esse tratamento. Os equipamentos que tem, são da empresa BTL Aesthetics e são eles: o Vanquish, o Exilis Elite e o X-Wave. Cada um destes equipamentos tem uma finalidade específica e juntos formam um protocolo chamado HOT SUMMER, que é o queridinho de muitas famosas, pois promete um ótimo resultado, sem dor, sem desconforto e em um curto espaço de tempo. Maravilhoso, não é?

          Este programa de tratamento foi o vencedor do prêmio de “melhor procedimento estético para contorno corporal” em Los Angeles, oferecendo um resultado para remodelação corporal e eliminação da gordura abdominal em até 60%. Muita coisa, não é mesmo? É feita uma combinação da tecnologia dos 3 equipamentos para obter esse resultado, e o melhor que pode ser feito em apenas 4 sessões. Vou dar uma explicação rápida de como esses aparelhos funcionam, pois futuramente vou explicar para vocês cada um deles detalhadamente e com as minhas impressões pessoais também.

          Mas para saber como eles funcionam, precisamos primeiro saber como as gorduras agem no nosso corpo. A organização do tecido de gordura nem sempre se faz de uma forma saudável, um dos principais problemas encontrados pelos profissionais são nódulos de gordura compactados, fibroses e a fraca ação do metabolismo nessa região, que deixa o tecido carente de nutrientes, circulação sanguínea e linfática, água e oxigênio. Sendo assim, cada aparelho irá agir de forma distinta combatendo os diferentes desafios que o tecido de gordura oferece. O X-Wave vai reduzir ou eliminar os nódulos de gordura, as fibroses, aumentando a microcirculação e a vasodilatação da região, melhorando assim o metabolismo na região e uniformizando toda a área. O Vanquish vai realizar uma ação direta nas células de gordura, realizando o processo de apoptose (morte natural das células de gordura) na região. E o Exilis Elite, vai desempenhar uma ação no tecido de gordura mais profundo, tratando simultaneamente a flacidez da pele, melhorando assim todo o contorno corporal e favorecendo a compactação dos tecidos.

          Para realizar esse procedimento em apenas 4 semanas, como é a proposta, você terá que ter a disponibilidade de permanecer por 3 horas consecutivas na clínica uma vez por semana. Porém, na minha correria diária com os ninos e as funções do lar, não consigo ficar todo esse tempo. Por isso optamos em fazer os procedimentos individualmente, assim fico menos tempo na clínica, mas pode ocorrer de ir mais de uma vez na mesma semana para fazer procedimentos diferentes, uma vez que cada um deles depois de realizado precisa de um tempo mínimo para nova aplicação. O resultado final será o mesmo, porém levarei um pouco mais de 4 semanas para finalizá-lo, o que para mim não é problema.

          Já comecei o tratamento essa semana, o primeiro foi o Vanquish, mas vou contar como foi em outro post, mas também podem nos acompanhar no nosso Instagram (@iinspiradas), pois estarei compartilhando as minhas idas à clinica e outras impressões por lá também. Estou bem feliz, e ansiosa para ver o resultado, afinal, a proposta é mesmo muito animadora e não vejo a hora de poder contar para vocês.

          Espero que tenham gostado, e podem me fazer quantas perguntas quiserem, pois o que eu não souber responder para vocês, eu vejo com a Dra Ana Carolina e com a fisio Maria Cristina, elas já me deram carta branca para tirar todas as dúvidas.

          Um beijão enorme e até semana que vem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário